domingo, 19 de dezembro de 2010

AXL FALA COM A MIDIA NO ORIENTE MEDIO

Axl Rose admite que viver de acordo com a lenda de que é o Guns N' Roses pode ser assustador - até mesmo para alguém com sua abordagem notoriamente maior
"Nós temos que viver de acordo com algo, tem que trabalhar um pouco mais difícil porque você está vivendo à altura da lenda ou um mito ou qualquer coisa", disse ele em entrevista nos Emirados Árabes Unidos. Foi a primeira vez que ele interagiu com os meios de comunicação em 14 anos - talvez um sinal de amadurecimento velhice. "É mais a pressão quando você está cantando do que para viver como mito" "Se eu não estava colocando meu coração para ele, os fãs, eles não vão me deixar ir embora com ele (meu coração)."
A banda, formada em 1985, fez seu primeiro show nos Emirados Árabes, em Abu Dhabi fim de semana passado, realizando, por uma multidão de fãs de várias gerações que tiveram de hidromassagem na de todo o Oriente Médio.
"O aspecto público diverso, é realmente a parte mais interessante para mim porque eu acho que resume muito bem até porque o catálogo Guns tem resistido ao teste do tempo", disse Rose, como citado em uma entrevista com o Gulf News, acrescentando que a diversidade de uma audiência nunca deixa de surpreender-los.
"Ele atravessa gêneros, cruza as linhas religiosas, você sabe. É a música que as pessoas possam se relacionar. Que há uma multidão lá fora, o que  torna  tocar muito divertido."
 "Nós cruzamos algumas linhas", disse ele."E vamos continuar isso." A banda, famosa por sucessos como "Sweet Child O'Mine" e "November Rain", está atualmente em uma turnê mundial, tendo atuado em toda a América do Sul, Ásia e Europa antes de bater a capital dos Emirados Árabes.