quinta-feira, 10 de maio de 2012

Black Sabbath – Vinny Appice reforça que Bill Ward tem que fazer a tour com a banda

 
Vinny Appice, ex-baterista do Black Sabbath, insiste que Bill Ward deve assumir as baquetas na turnê de reunião da banda, no ano passado o grupo anunciou a reunião da formação original - Ozzy Osbourne, Tony Iommi, Geezer Butler e Ward - e a gravação do primeiro álbum de inéditas juntos desde 1979, causando euforia nos milhares de fãs da banda.
Porém, pouco tempo depois, Bill Ward disse que não estava de acordo com os outros membros, e que não lhe foi oferecido um contrato que ele considerava como "assinável".Foi então que começaram as especulações sobre Vinny, que já tocou com o Black Sabbath e fez parte do ‘Heaven and Hell’, substituir Ward, porém segundo Vinny nenhuma oferta foi feita, e o musico insiste,que Ward é o único baterista que tem que realizar esse trabalho.

Em conversa com a “The Great Southern Brainfart” Vinny conta:

"Foi meio engraçado ver essa grande coisa sobre a volta do Black Sabbath , e de repente Bill não está fazendo parte disso. Então eu li todas as matérias dizendo: "Vinny deve ser o próximo na lista", então eu vi algumas pessoas falando "Foda-se o Vinny deve ser Bill '...Ai começaram a aparecer rumores que Tommy Clufetos ,da banda de Ozzy, iria tocar na banda e as pessoas começaram 'Foda-se o Tommy deve ser o Vinny’ e como se essas pessoas fossem donas de casa fofocando sobre Jersey Shore ou algo assim."

"Acho que a primeira escolha sinceramente deve ser Bill Ward. Nesse ponto, provavelmente essa vai ser a última turnê do Black Sabbath. Honestamente, os fãs querem ver a banda real. E eu gostaria de vê-los também - eles tocam de uma maneira incrível juntos.”

"Eu acho que todo o problema com essa coisa de reunião é o dinheiro.E é uma pena ver isso"

Appice também revelou algumas frustrações de quando trabalhou com Iommi e o incluiu em sua experiência mais estranha de toda a sua carreira.

"O Black Sabbath excursionou pelos Estados Unidos e Bill estava tocando nessa turnê", lembra ele. "Mas eu estava em turnê com eles que falaram que Bill tinha um problema. Mas ele não tinha problema nenhum, então eu fiquei a tour inteira sem tocar. Era ridículo. Eu senti como se eu estivesse ficando fora de forma por não tocar. "

Ele também explicou o motivo da bateria ‘discreta’ no album The Devil You Know do ‘Heaven and Hell’ que o rendeu diversas criticas dos fãs

"Foi estúpido. Eu queria ir para os ensaios e fazer jams, e trabalhar a merda com um som alto. Essa é a maneira que nós fizemos Mob Rules e Dehumanizer. Mas em vez disso, estavamos trabalhando no estúdio de Ronnie com uma bateria eletrônica.

"Não foi inspirador. Você não pode pendurar ou balançar uma bateria eletronica - é difícil trabalhar desse jeito. Se estivéssemos em uma sala de ensaios, a música teria sido muito mais agressiva e muito mais Sabbath.Quando o álbum saiu eu ouvi comentarios como," Vinny não toca merda nenhuma na bateria.” E eu estava tipo, 'Ok, mas vocês não sabem a história toda?"

Atualmente Vinny esta com o Kill Devil Hill e fará parte da banda tributo a Dio, junto com os membros que acompanhavam o vocalista em 1983.