terça-feira, 15 de outubro de 2013

Kiss: para Gene Simmons, dinheiro é tudo na vida


O baixista do KISS, Gene Simmons, é um cara que gosta de sucesso, e quem não gosta? E sucesso gera dinheiro, muito dinheiro. Falando sobre isso com a Classic Rock Magazine, entre vários outros assuntos, Simmons sempre se mostrou um sujeito à frente das negociações de sua banda, incluindo muito marketing.

Quanto perguntado se ele se importava com pessoas que acham ele um sujeito muito ganancioso, Simmons respondeu: "Não, eu acho isso até bom. Olha, eu trabalho para ter tudo que possuo. Fui muito pobre, queria ganhar dinheiro. Aquelas pessoas que dizem que não precisam de um monte de dinheiro, que só querem o suficiente para viver, estão mentindo. Para essas pessoas que estão com dinheiro sobrando, mandem para mim".

Simmons não hesita em dizer que o trabalho vale cada centavo: "Quando eu era criança, um dólar era muito dinheiro para mim, mas quando você cresce, significa uma mixaria. O que você faz com o dinheiro não importa. Você pode doar seu dinheiro para instituições de caridade ou enfiar no seu rabo. Mas enquanto você estiver vivo o seu dever é continuar ganhando mais dinheiro e continuar alimentando a economia".

Parece que para Gene Simmons, definitivamente, o dinheiro é tudo: "Dinheiro é tudo na vida. Até mesmo Deus passa o seu chapéu. Dinheiro é muito bom, não é a raiz do mal. A falta dele é bem pior".